Home | Institucional | Clientes | Releases | Artigos | Produtos e Serviços | Contato

 Release
28/10/2016
João Pimentel presidirá o Congresso SAE BRASIL 2017

Anúncio foi feito nesta quinta-feira, 27, em São Paulo, durante cerimônia de encerramento do 25º Congresso SAE BRASIL, no Expo Center Norte

São Paulo – João Pimentel, diretor de Operações da Ford Caminhões para a América do Sul, será o próximo presidente do Congresso e Mostra Internacionais SAE BRASIL de Tecnologia da Mobilidade em 2017. Engenheiro graduado pelo Centro Universitário da FEI, Pimentel especializou-se em administração e finanças pela Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, e tem uma longa carreira na indústria automobilística na Ford, onde se dedicou ao setor veículos leves e caminhões.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira (27) por Philipp Schiemer, presidente do Congresso SAE BRASIL 2016 e também da Mercedes-Benz do Brasil e CEO América Latina, durante cerimônia de encerramento em que participaram líderes da indústria, o presidente da SAE International, Cuneyt L. Oge, e o presidente da SAE BRASIL, Frank Sowade.

No Painel dos Presidentes, que encerrou o ciclo de palestras do Congresso, as palavras ‘transformação’, ‘adaptação’ e ‘novo consumidor’ foram destaques nas apresentações dos executivos, assim como a visão de que o momento pelo qual passa a indústria é de renovação e oportunidades.

Cuneyt L. Oge abriu as apresentações e chamou atenção para a importância da preparação de estudantes e engenheiros nos cursos relacionados à engenharia da mobilidade e ressaltou que este é o momento de a indústria refletir sobre as habilidades que o engenheiro vai precisar para fazer frente às novas demandas dos mercados. “Precisamos aprender como aplicar novos conceitos da mobilidade do amanhã e qualificar os engenheiros”, disse o executivo ao citar o STEM (Science, Technology, Engineering and Maths), programa educacional da SAE, cuja metodologia é focada no conceito de educação continuada.

“A indústria passa por um momento interessante de reflexão norteado pelas necessidades da mobilidade e por uma corrida pela inovação jamais vista, em que o cenário competitivo vai se transformar rapidamente, teremos que nos reinventar”, sentenciou Rogélio Golfarb, vice-presidente de Relações Governamentais e Estratégias de Negócios da Ford América do Sul. Golfarb identificou novas tendências do consumidor, em que pagar pelo uso e não pela propriedade do veículo se tornou mais importante. Além disso, falou sobre estratégias da Ford nos EUA, como aquisição de empresas de inteligência artificial, e os experimentos de compartilhamento de veículos por meio de aplicativos via celular no Brasil.

Philipp Schiemer enfatizou mudanças que chamou dramáticas no País e que vão transformar drasticamente a realidade atual: “O maior vendedor de livros hoje é a Amazon, e a maior empresa de táxi não tem um veículo sequer em sua frota”, exemplificou. Schiemer frisou que a indústria está fazendo a sua parte e que o Brasil precisa definir se vai se abrir ou se fechar para o mundo. “Precisamos de uma política industrial”, finalizou.

Mauro Kern, vice-presidente de Operações da Embraer, enfatizou que o setor da aviação passa por transição e avança principalmente na modernização de sua infraestrutura e tecnologias de controle de tráfego aéreo via satélite, mais inteligentes e capazes de gerenciar o aumento do volume de aeronaves no futuro. O executivo destacou ainda que o segmento trabalha a meta de reduzir pela metade as emissões até 2050 e investe em praticidade e conforto para o usuário. “O momento é espetacular”, afirmou, ao reforçar que as iniciativas sempre ocorrem em primeira pessoa. “Somos nós mesmos que vamos construir o futuro”, finalizou.

“Não poderia haver momento mais excitante e desafiante do que este”, disse Antonio Carlos Galvão, presidente da Eaton Vehicle Group South America. Apontou como megatendências a crescente urbanização, novos padrões de consumidores, segurança cibernética, eficiência e veículos verdes. Galvão destacou que vão sobreviver as “organizações ambidestras”, que definiu como aquelas que conseguirão balancear investimentos em pesquisa e desenvolvimento na evolução de produtos atuais e na inovação. “Precisamos ser agentes de mudanças ou vamos sofrer extinção”, sentenciou.

BALANÇO– O 25º Congresso SAE BRASIL debateu entre os dias 25 e 27 de outubro o tema “A Engenharia criando a Mobilidade do Futuro, Intermodalidade, Conectividade, Veículos e Sistemas Inteligentes”, apresentado em 16 painéis e fóruns: Engenheiros-chefes, Internacional e Presidentes (painéis âncoras), Aeroespacial, Caminhões e Ônibus, Duas Rodas, Educação de Engenharia, Ferroviário, Logística, Manufatura, Máquinas Agrícolas e de Construção, Motorsport, Qualidade, Segurança Veicular, Supply Chain, Tecnologia da Informação, e Telemática e Infotainment.

No Congresso SAE BRASIL foram apresentados 102 trabalhos inéditos de engenharia (papers), de autores nacionais e estrangeiros, durante os três dias de realização.

DESTAQUES TECNOLÓGICOS – Referendada pelo Comitê de Reconhecimento da SAE BRASIL, a tradicional pesquisa com visitantes da Mostra Tecnológica, que este ano reuniu inovações de 34 empresas, elegeu três destaques entre as que apresentaram tecnologias aplicáveis ao mercado brasileiro: as empresas Bosch, Marcopolo e Mercedes-Benz.

PRÊMIO SAE BRASIL - Como é tradição, todos os anos a SAE BRASIL elege uma personalidade que tenha prestado relevantes contribuições para a mobilidade do País. Neste ano o agraciado foi Stefan Ketter, presidente da Fiat Chrysler Automobiles para América Latina (FCA).

JUBILEU DE PRATA - O encerramento do Congresso SAE BRASIL contou, ainda, com celebração dos 25 anos da instituição, que agradeceu aos voluntários que contribuíram para a sua fundação e crescimento. Quatro categorias foram eleitas para representar e receber as homenagens:

HOMENAGENS– Foram homenageados pela SAE BRASIL em suas áreas de atuação:

FUNDADORES – Alberto Carlos Futuro, Antonio Sabino, Bernd Wiedeman, Carlos Buechler, Cesar Aguiar, Cláudio Tavares Lucci, Edward Mabley, Fábio Braga, Ferdinand Panik, Fernando Almeida, Flamínio Leme, Francisco Bertolaccini, Guilherme Sortino, Horácio Forjaz, John Casker, Luc de Ferran, Manfred Ypma, Marcus Bonito, Nelson Higino da Silva, Ozires Silva, Paulo Pedrosa e Vivaldo Russo.

PIONEIROS – Álvaro Costa Neto, Elcio Onuzik, Erino Tonon, Georges Pitseys (in memorian), Horst Bergmann, Joseph Cavuto, Lélio Salles Ramos, Max Rumbauch, Mônica Saraiva Panik, Otacílio Gomes Jr., Philip Mazziotti, Ray Morris, Roberto Barretti, Ronaldo Salvagni, Wil Williams, Yoshio Kawakami e Zomar de Oliveira.

PRESIDENTES SAE BRASIL – Alberto Futuro, Bernd Wiedeman, Besaliel Botelho, Frank Sowade, Gábor Deák, Horácio Forjaz, Luso Ventura, Luc de Ferran, Renato Mastrobuono, Ricardo Reimer, Vagner Galeote, Vilmar Fistarol e Volker Barth.

PRESIDENTES DO CONGRESSO SAE BRASIL – Alípio Ferreira Pinto, Astor Schmitt, Bernd Wiedeman, Besaliel Botelho, Carlos Büechler, Edgar Lourençon, Egon Feichter, Ferdinand Panik, Flávia Piovacari, Francisco Satkunas, Horst Bergmann, Hugo Ferreira, Ivan Fonseca e Silva, José Hélio Contador Fº, José Henrique Senna, Karl Hirtreiter, Lélio Salles Ramos, Mauro Correia, Pedro Manuchakian, Philipp Schiemer, Renato Mastrobuono, Ricardo Reimer, Roberto Bastian, Roberto Cortes e Volker Barth.







Mais informações à imprensa:
Companhia de Imprensa
Maria do Socorro Diogo - msdiogo@companhiadeimprensa.com.br
Susete Davi - susete@companhiadeimprensa.com.br
Telefones (11) 4435-0000 / 94984-9581

 Buscar release:
   
 Imagens
Clique nas imagens para salvá-las em maior resolução
Philipp Schiemer cumprimenta João Pimentel, que presidirá o Congresso SAE BRASIL 2017
Painel dos Presidentes fechou o ciclo de apresentações do 25º Congresso SAE BRASIL
Mostra Tecnológica 2016 focou no tema mobilidade do futuro, conectividade e sistemas inteligentes
25º Congresso SAE BRASIL apresentou 16 painéis temáticos
 Perfil da empresa

A SAE BRASIL é uma associação sem fins lucrativos que congrega engenheiros, técnicos e executivos unidos pela missão comum de disseminar técnicas e conhecimentos relativos à tecnologia da mobilidade em suas variadas formas: terrestre, marítima e aeroespacial.
A SAE BRASIL foi fundada em 1991 por executivos dos segmentos automotivo e aeroespacial, conscientes da necessidade de se abrir as fronteiras do conhecimento para os profissionais brasileiros da mobilidade, em face da integração do País ao processo de globalização da economia, ora em seu início, naquele período. Desde então a SAE BRASIL tem experimentado extraordinário crescimento, totalizando mais de 6 mil associados e 10 seções regionais distribuídas desde o Nordeste até o extremo Sul do Brasil, constituindo-se hoje na mais importante sociedade de engenharia da mobilidade do País.
A SAE BRASIL é filiada à SAE INTERNATIONAL, associação com os mesmos fins e objetivos, fundada em 1905, nos EUA, por líderes de grande visão da indústria automotiva e da então nascente indústria aeronáutica, dentre os quais se destacam Henry Ford, Orville Wright e Thomas Edison, e tem se constituído, ao longo de mais de um século de existência, em uma das principais fontes de normas, padrões e conhecimento relativos aos setores automotivo e aeroespacial em todo o mundo, com mais de 35 mil normas geradas e mais de 138 mil sócios distribuídos por cerca de 100 países.

Divisão Assessoria de Imprensa • Rua Álvares de Azevedo, 210 • Cj. 41 • Santo André • SP • Fone/Fax (11) 4435-0000
Divisão Publicações • Rua Álvares de Azevedo, 210 • Cj. 61 • Centro • Santo André • SP • Fone (11) 4432-4000 • Fax (11) 4990-8308