Home | Institucional | Clientes | Releases | Artigos | Produtos e Serviços | Contato

 Release
12/02/2008
Tecnologia CAE é um caminho sem volta no País


Por Mário Carneiro *

A difusão da tecnologia CAE no mercado brasileiro é um caminho sem volta. Alguns de nossos clientes estão se estruturando para centralizar a simulação como uma área independente servindo os departamentos de engenharia, P&D e manufatura. Isso ocorre com a percepção da amplitude de aplicação das ferramentas CAE. Em outros casos, a aplicação das ferramentas CAE na manufatura e na engenharia de produto é descentralizada. Em ambas situações, o conhecimento da empresa sobre seus produtos e processos é potencializado. Isso demonstra uma evolução da maturidade das empresas brasileiras, que chega no momento certo.

Mostrando-se como outra tendência, cada vez mais, a manufatura também se torna importante no desenvolvimento de novos produtos. Não basta que o novo produto atenda aos requisitos de desempenho, ele também tem de ser manufaturável a custos razoáveis. Isso reforça os softwares CAE para simulação de processo e consolida o caminho para aplicação obrigatória destas ferramentas, assim como os sistemas de análise estrutural.

Dando suporte ao otimismo, os desenvolvedores de softwares CAE relatam investimentos cada vez maiores na estrutura de venda para suportar o crescimento dos mercados emergentes e com atenção especial à China e ao Brasil.

As perspectivas para o Brasil em 2008 são muito boas. As indústrias têm demonstrado extremo otimismo, em especial o principal setor que a SMARTtech atende, que é a indústria automobilística. Recorde de produção e vendas em 2007, o setor projeta crescimento vigoroso para 2008.

Paralelo a este movimento, nos últimos anos as grandes empresas multinacionais têm visto o Brasil como pólo de desenvolvimento de novos produtos. Isso fortificou nossa engenharia. Como exemplo, podemos citar a General Motors do Brasil, eleita a unidade mundial responsável pelo desenvolvimento de pick up leve para todo o mundo.

Crescimento e investimento andam juntos. Por isso, este é o momento para o mercado de softwares CAE e, por conseqüência, para a nossa empresa. O desenvolvimento de novos produtos toma lugar neste cenário. E dar um salto tecnológico se torna prioridade.

As engenharias no Brasil estão prontas para o investimento em simulação. Para não deixar a oportunidade passar em branco, o Grupo SMARTtech reestruturou áreas e, com isso, projeta grandes investimentos nos próximos anos. Isso inclui novos produtos, contratações, aumento da cobertura do mercado nacional e internacional e o investimento em um laboratório de apoio ao desenvolvimento de novos veículos.

Sabemos que o crescimento do mercado de softwares CAE é termômetro do crédito das indústrias em um crescimento sustentável, o que muito nos anima. Acreditamos que o momento positivo do consumo e do crescimento econômico no Brasil continuará soprando bons ventos e esperamos que o nosso governo trabalhe para manter a segurança e a base sustentável para que estes movimentos não cessem.

* Mário Carneiro é engenheiro e gerente da SMARTtech Plástico

 Buscar release:
   
 Imagens
Clique nas imagens para salvá-las em maior resolução
Mário Carneiro, engenheiro e gerente da SMARTtech Plástico
 Perfil da empresa

Site:

Divisão Assessoria de Imprensa • Rua Álvares de Azevedo, 210 • Cj. 41 • Santo André • SP • Fone/Fax (11) 4435-0000
Divisão Publicações • Rua Álvares de Azevedo, 210 • Cj. 61 • Centro • Santo André • SP • Fone (11) 4432-4000 • Fax (11) 4990-8308